75% dos mortos por covid em Cuiabá tinham comorbidades

75% dos mortos por covid em Cuiabá tinham comorbidades

Com 22 novas mortes entre os dias quatro e dez de outubro, período avaliado pelo mais recente informe epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Cuiabá tem uma taxa de 75% sendo composta por óbitos da covid-19 de pessoas com algum tipo de comorbidade.

 

Informações do balanço da SMS divulgado ontem terça-feira (13) esclarecem que a hipertensão é a doença mais comum entre as pessoas que morreram pelo coronavírus em Cuiabá. Contudo, a diabetes e doenças cardíacas em geral também entornam a lista de comorbidades.

De acordo com o boletim, além de estarem presentes em 75% das mortes, as comorbidades também foram verificadas em 32% das ocorrências de contágio e em 59% dos indivíduos que precisaram ser internados para tratar a infecção pelo novo cornoavírus.

 

Segundo a SMS, a população negra segue sendo a mais atingida pela pandemia, sobretudo as mulheres entre na faixa dos 40 anos e os homens acima dos 50 anos. Pretos e pardos, que compõem a população, foram até a última semana pouco mais de 77% dos óbitos da doença.

 

Conforme a previsão do balanço, até o próximo sábado (17) Cuiabá deverá registrar mais de 27,1 mil contágios. Hoje, segundo dados do boletim diário, a Capital mato-grossense tem 26,4 mil ocorrências de contágio notificadas.

Autor(a): Khayo Ribeiro Otmar de Oliveira

Fonte: gazetadigital